BANCO DIGITAL DE BOAS PRÁTICAS SOCIOAMBIENTAIS

RESUMOS CASES BENCHMARKING - EDIÇÃO 2008 - ORDEM ALFABÉTICA

Paginas: 01   02   03   04




















BANCO BRADESCO S.A.

Case: Fundação Amazonas Sustentável: um projeto win-win de desenvolvimento

Cidade: SÃO PAULO

Estado: SP

Responsável: LINCOLN CESÁRIO FERNANDES

Cargo: Gerente de Responsabilidade Socioambiental


 

Principal Motivação: Viabilizar a implantação de um programa de desenvolvimento sustentável em uma área de 17 milhões de hectares no estado do Amazonas, em parceria com o governo do Estado, mas em um ambiente de transparência, governança e independência através da criação da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) obtendo com isso benefícios mercadológicos competitivos na região, no país e no mercado internacional.

 

Principais Resultados: Implantação de uma política de desenvolvimento sustentável em uma área de 17 milhões de hectares de floresta tropical Redução da pobreza de mais de 4.000 famílias Aumento de faturamento de R$ 400 milhões/mês, com a folha de pagamento dos funcionários do Amazonas Aumento de volume de quase todos os serviços na região Norte Comercialização de 189.406 títulos de capitalização com a bandeira FAS (4 meses) Dois reconhecimentos internacionais: Único banco brasileiro na lista das 7 instituições financeiras com os melhores resultados em sustentabilidade do relatório Goldman Sachs Sustain; e Prêmio de Melhor Site em Sustentabilidade pela Management & Excellence (M&E) Fortalecimento do Programa de Sustentabilidade da empresa Fortalecimento da reputação junto aos clientes, ao mercado de capitais, públicos governamentais e formadores de opinião

 

Um aprendizado fundamental: A criação da Fundação Amazonas Sustentável tem como principais características a ética, a transparência, a governança e a independência e a inserção destes valores no plano mercadológico. A FAS foi criada para implantar uma política pública, mas com independência do poder público, capital próprio e gestão profissionalizada. A geração de recursos do Banco Bradesco para a FAS está sendo e será obtida a partir de resultados mercadológicos, com o aumento do volume de negócios na região Norte e o lançamento de produtos e serviços financeiros exclusivos, com a bandeira FAS. Esta metodologia replica o que a empresa vem realizando no bioma mata atlântica, através de parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica, que em 3 anos viabilizou o plantio de 18 milhões de mudas de árvores nativas, a recuperação de mais de 10.000 hectares de áreas e a neutralização de 20 milhões de toneladas de Carbono.

 

Recomendações: A metodologia tem amplas condições de replicabilidade em qualquer região detentora de coberturas florestais ricas em biodiversidade, porque associa uma organização financeira a uma unidade governamental e outras organizações da sociedade civil na constituição de uma terceira entidade, autônoma em termos administrativos e orçamentários, com programas calcados em políticas públicas participativas, e também porque se baseia em exemplo bem sucedido de captar recursos de funding com a comercialização de produtos e serviços relacionados ao projeto.


 











Bandeirante Energia SA.

Título do Case: Programa Bandeirante Comunidade e Educação

Cidade: São Paulo

Estado: SP

Responsável: Paulo dos Santos Ramicelli

Cargo: Gerente de Comunicação e Responsabilidade Social


 

Principal Motivação: Acreditamos que a principal motivação está relacionada à visão sustentável que a empresa busca sempre implementar em suas ações frente à sociedade. Nosso objetivo foi contribuir para a melhoria da qualidade do ambiente e do ensino fundamental de escolas públicas municipais, além de oferecer oportunidades para o desenvolvimento de atividades ainda não exploradas por essas instituições, sempre em busca de uma sociedade mais justa e humana.

 

Principais Resultados: Maior aproveitamento do ensino nas salas de aula; Integração efetiva: Empresa + Comunidade + Governo + Escola; Implantação de hortas escolares Todos os alunos foram beneficiados com o plantio e colheita das verduras; Substituição de salas containeres de latão por salas de alvenaria e mobiliários adequados; Melhoria no relacionamento com as comunidades; Melhoria no aproveitamento escolar do aluno; Integração dos colaboradores com a realidade da região; Reflexo na produtividade do corpo funcional; Redução do número de invasões e vandalismo nas escolas; Conservação das melhorias realizadas nas escolas pelos alunos; Redução do número de acidentes com cerol.

 

Um aprendizado fundamental: Um dos pontos principais que fez a diferença foi o de que o projeto Bandeirante Comunidade Educação está alinhado com os valores da Empresa, principalmente àquele voltado para a cidadania. A partir disto tivemos condições de não só analisar e planejar um programa que beneficiasse comunidades carentes de recursos como a informação e conscientização de consumo de energia - importante tanto para a empresa quanto para a sociedade, como também implementar e controlar todo o seu processo.

 

Recomendações: O programa é multidisciplinar e desenvolve vários temas junto aos seus públicos de interesse, como, por exemplo, conservação do meio ambiente. A integração empresa - escola - prefeitura - comunidade contribui para a melhoria do relacionamento entre as partes e promove o desenvolvimento de todas as partes. No final do programa, a sustentabilidade é uma garantia à instituição de ensino, que passa a ter condições de se auto-desenvolver com as metodologias aplicadas.


 











Botica Comercial Farmacêutica S/A

Case: Bioconsciencia

Cidade: São José dos Pinhais

Estado: PR

Responsável: Maíra Gonçalves da Luz Pereira

Cargo: Técnica em Meio Ambiente


 

Principal Motivação: A função das embalagens é, principalmente, garantir as condições de higiene necessárias ao produto e protegê-lo contra eventuais choques durante o transporte e manuseio. Depois de usadas, as embalagens formam montanhas de lixo. Diante deste contexto, a organização evidenciou a necessidade de reduzir os impactos ambientais do ciclo de vida de seus produtos, por meio do projeto de reciclagem pós-consumo, que estimula o consumidor a exercer sua cidadania e responsabilidade ambiental por meio da devolução das embalagens após o seu uso.

 

Principais Resultados: No ano de 2006, quando foi implantado o projeto piloto nas lojas de Curitiba e dentro da indústria, o programa recolheu 1,6% das embalagens pós-consumo dos produtos vendidos na região. No ano seguinte, como resultado do esforço de marketing realizado, este número aumentou para 2,8%. O critério de sucesso para 2008, já com operação do projeto em quatro cidades (Curitiba, Belo Horizonte, Campinas e Recife), é de 4%.

 

Um aprendizado fundamental:

1. Estabelecimento do fluxo reverso

2. Definição das responsabilidades compartilhada

3. Desenvolvimento de parceiro local

Este projeto gera como principal produto um modelo replicável a outros negócios independente do seu segmento e porte.

 

Recomendações: Para o fluxograma logístico deve-se atentar para a tributação e os investimentos necessários para o transporte dos produtos e resíduos na composição do custo do projeto. Viabilizar a retirada do resíduo no momento da entrega do produto reduz os impactos ambientas e custos financeiros desta etapa.


 











Braskem S/A

Case: Redução das Emissões de Compostos Orgânicos na UNIB- BA.

Cidade: Camaçari

Estado: BA

Responsável: Sérgio de Rezende Hortélio

Cargo: Coordenador Meio Ambiente


A principal Motivação: A preocupação com a redução e controle de emissões atmosféricas se deve ao impacto negativo destas sobre o meio ambiente e a saúde das pessoas, alem de representar perdas de matérias-primas e produtos, gerando prejuízos econômicos a empresa.

 

Principais Resultados: Nos últimos 5 anos, verificou-se uma redução de 54% na emissão de compostos orgânicos voláteis no Parque de Tancagem e de 56% na Ilha de Carregamento. Com a implantação do Plano pode-se reduzir perdas de produtos na ordem de 1.446 toneladas desde 2002. Essa quantidade de matéria-prima valorada ao preço de nafta equivale a aproximadamente US$1,360,000.00 dólares no período de 2002 a 2007. Quanto a qualidade do ar, verifica-se que o número de violações no ar por conta de COV’s se manteve desprezível no entorno do Pólo Industrial de Camaçari.

 

Aprendizado: O uso de ferramentas da qualidade e estatísticas no formato de lean six sigma.

 

Recomendações: Acredita-se que este Plano possa ser inteiramente reproduzido e adaptado a realidade de qualquer empresa do ramo químico e petroquímico, uma vez que ele compila e sistematiza a gestão integrada dos processos, independente da condição física do produto.


 











CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

Case: Projeto "ILHAS DE IMPRESSÃO"

Cidade: BRASILIA

Estado: DF

Responsável: Maria Fernanda Ramos Coelho

Cargo: Presidente


 

Principal Motivação: Grande dimensão do parque de impressoras gerando altos custos de suporte e atualização dos equipamentos, de logística e manutenção de grande diversidade e quantidade de insumos de impressão. Perda de escala na aquisição (compra) e formação de estoque de segurança para 83 tipos de cartuchos diferentes; Ser um agente de mudança na implementação da Política Ambiental Corporativa e de Responsabilidade Social Empresarial. Mostrar que é possível estar atento às práticas de consumo sustentável, fomentando a sustentabilidade sem perder o foco empresarial.

 

Principais Resultados: O projeto Ilhas de Impressão, ação desenvolvida com base nos princípios aprovados, junto com a campanha educativa, gerou uma economia de 56,7% dos gastos com os insumos de impressão no período de março de 2005 até novembro de 2006 em toda a CAIXA. Reduziu em 59,37% o parque de impressora, somente no Prédio da Matriz e conseqüentemente reduziu o consumo e os resíduos sólidos (cartuchos, papel e componentes de impressora).

 

Um aprendizado fundamental: O projeto Ilhas de Impressão consistiu no agrupamento de equipamentos de impressão em locais de circulação de empregados. Com a implantação das ilhas, a CAIXA passou de uma média de 1 impressora para atender 5 empregados para 1 impressora para 30 empregados. O projeto foi implantado em fase de piloto no edifício Matriz da CAIXA e nas cidades de Porto Alegre e Fortaleza e, após, foi estendido para as demais capitais do país nas unidades administrativas. Foi instalado software de controle de impressão que passou a monitorar toda a impressão na Empresa.

 

Recomendações: Diagnóstico do consumo e gastos; Campanhas de educação e conscientização para o consumo consciente; instalação de um software de controle de impressões.


 











Celulose Irani S.A.

Case: Inventário de emissões e sumidouros de gases de efeito estufa em uma fábrica de Celulose e Papel

Cidade: Vargem Bonita

Estado: SC

Responsável: Leandro Alexis Farina

Cargo: Gerente de Sistemas de Gestão da Qualidade e Ambiental


 

Principal Motivação: Conhecer e avaliar a emissão de GEE da empresa, avaliando o balanço entre emissões e remoções e as possibilidades de neutralização.

 

Principais Resultados: As atividades da IRANI são consideradas Carbono Neutro por retirar mais carbono da atmosfera do que emite.

 

Um aprendizado fundamental: O inventário permite acompanhar as emissões e remoções possibilitando maior percepção para novos projetos de MDL

 

Recomendações: Definição de fronteiras, identificação de fontes de emissão e remoção, levantamento de dados, elaboração do relatório, auditoria externa.


 











DAEE - DEPARTAMENTO DE ÁGUAS E ENERGIA ELÉTRICA

 

Título do Case: Programa Agua Limpa

Cidade: São Paulo

Estado: SP

Responsável: Ubirajara Tannuri Felix

Cargo: Superintendente


 

Principal Motivação: Implantação de sistemas de tratamento de esgotos domésticos em municípios com até 30 mil habitantes não atendidos pela SABESP. 

 

Principais Resultados: Tratamento de 100% dos esgotos domésticos nos municípios beneficiados. Despoluição de rios e córregos que recebiam os esgotos in natura. Minimização dos índices de vulnerabilidade social e de doenças decorrentes de veiculação hídrica.



Um aprendizado fundamental: A formulação do diagnóstico situacional da infraestrturura hídrica dos municípios de pequeno porte. A implementação do plano de ação focado na preservação dos recursos hídricos, na educação ambiental e na saúde da população envolvida.



Recomendações: Tem fundamental importância o estabelecimento de parcerias entre os órgãos das administrações públicas estadual e municipal e demais entidades públicas ou privadas a eles vinculados.


 











Dana Indústrias Ltda

Case: A natureza ajudando na redução dos resíduos sólidos do Tratamento de Efluentes

 

Cidade: Gravataí

Estado: RS

Responsável: Simone Nogueira

Cargo:  Coordenadora do Sistema de Gestão Ambiental


 

Principal Motivação: Reduzir a geração do lodo do Tratamento de Efluentes e eliminar o Aterro de Resíduos Industriais da Instituição/empresa.

 

Principais Resultados: A eliminação de passivo ambiental e do risco ambiental associado. 1.800 toneladas de resíduos acumulados foram inertizados, sendo transformados em matéria-prima auxiliar para a fabricação de cimento. A área onde se localizava o antigo aterro já foi totalmente recuperada, com plantio de vegetação nativa e construção de uma praça ecológica de contemplação para os colaboradores. Paralelamente à desativação do aterro, as demais iniciativas proporcionaram uma redução total mensal de 62% da geração de lodo na Estação de Tratamento de Efluentes, diminuindo das 41,7 toneladas ao mês (em 2004) para 16 toneladas ao mês (a partir de 2006). Isso representa 308 toneladas a menos de resíduos gerados por ano, além de reduções dos custos operacionais.

 

Aprendizado: Foi desenvolvido um trabalho intensivo que utilizou uma ferramenta pouco comum no trato ambiental, mas que se revelou arma poderosa nesse setor: a metodologia 6 Sigma, que utiliza métodos estatísticos para identificar, analisar e propor a solução de problemas. Com o auxílio de um Black Belt, o time de SGA reviu processos e, assim, efetuou testes de jarros com novos insumos para o tratamento dos resíduos. Três áreas foram focadas: a troca do neutralizante, a substituição do agente coagulante inorgânico (policloreto de alumínio) por um coagulante vegetal, à base de tanino e o desenvolvimento de um container específico para armazenamento e compactação do lodo.

 

Recomendações: A troca do coagulante foi vital para o sucesso deste case, pois foi o componente que reduziu o volume de lodo industrial. O neutralizante também foi trocado e o equipamento foi adaptado para criar uma caçamba compactadora do lodo, que auxiliou a redução deste resíduo. Outro item fundamental foi a aplicação da metodologia 6 Sigma, que utiliza métodos estatísticos para identificar, analisar e propor a solução de problemas como este.




Mapa do Site

mapa_site

Nuvem de Tags

2003 2006 2008 2009 2010 2011 2012 abertas ambiental ambiente apoiadores banco bench BenchMais benchmarking boas bom Brasil cases certificado citações clipping Comissão comissão_técnica de Decada detentores dia digital eletronico empresas encontro_técnico faça FIBoPS folder fotos gestores gestão guia inscrição inscrições internacional lista Livro meio melhores metodologia ministra mídia na negócio online parte praticas programa publicações ranking regulamento release resumo revista socioambientais socioambiental sustentabilidade topicos técnica vencedores videos



Rodapé